27 de maio

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
13/07/23 às 8h42 - Atualizado em 13/07/23 às 8h42

Atendimento será feito por ordem de chegada, respeitadas as prioridades legais, no turno vespertino a prioridade será para quem agendou o serviço; horário de atendimento também será ampliado

COMPARTILHAR

Não será necessário agendar horário para emissão da carteira de identidade, no turno matutino, nas unidades da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF). A corporação também estendeu o serviço em todos os postos de atendimento, anexos às delegacias de polícia, em dias úteis, das 7h às 20h30. Até então, o atendimento encerrava às 19h.

Até as 12h, o atendimento será feito com distribuição de senha por ordem de chegada. Já o turno vespertino vai priorizar atendimento por agendamento, feito no site da PCDF. Há possibilidade de encaixes por ordem de chegada e respeitadas as preferências legais, em caso de falta de quem fez agendamento.

Vale lembrar que a Polícia Civil dispõe de postos de identificação biométrica nas seguintes delegacias:

→ 1ª DP – Asa Sul
→ 3ª DP – Cruzeiro
→ 4ª DP – Guará
→ 6ª DP – Paranoá
→ 16ª DP – Planaltina
→ 27ª DP – Recanto das Emas
→ 32ª DP – Samambaia
→ 33ª DP – Santa Maria
→ 30ª DP – São Sebastião

Já o atendimento nas agências do Na Hora ocorrerá de 7h às 19h, com agendamento por meio do site da PCDF. Também será utilizada a Unidade Técnica de Atendimento Móvel em apoio para maior disponibilização de vagas para atendimento.

Diariamente são disponibilizadas 1,3 mil vagas e a PCDF atende 1,1 mil pessoas por dia, já que alguns agendados não comparecem. No DF há quase 650 mil pessoas aptas para o serviço 2ª Via Fácil, que permite a reimpressão online da carteira de identidade, com funcionamento 24 horas por dia. O usuário faz a solicitação digital da carteira de identidade, gera o boleto de pagamento no valor de R$ 42 e escolhe o local da retirada, dispensando o comparecimento pessoal para o atendimento.

* Com informações da Polícia Civil

Ian Ferraz, da Agência Brasília I Edição: Débora Cronemberger

Mapa do site Dúvidas frequentes